segunda-feira, 11 de maio de 2009

Para o que havia de me dar!


Para muitos, talvez para a maioria uma mulher grávida é liiindo!

Não gostei particularmente de estar grávida, depois dos 6 meses nunca me sentia confortável (ela tinha os 2 pés enfiados nas minhas costelas!!!!), mas lembro-me de sentir uma sensação de paz rara.
A gravidez de uma amiga tem-me feito recordar esses momentos de boas sensações e não é que às vezes dou por mim a pensar que nem seria má ideia!??!!!!!
Claro que rapidamente desço à terra e penso:
"Grávida? Agora? Não!!!!!! Tás louca?!".
Não é pelas noites mal dormidas, pelas fraldas, papas e birras. Essa fase até gostei e... dormir a sesta com um bébé é dos momentos melhores que podemos ter!
É mesmo pelas fases que se seguem até conseguirem construir a vida deles. As dores de cabeça da idade do armário, as "lutas" titânicas para lhes fazer ver que não é pelos outros fazerem que as coisas estão certas, nós podemos ser a excepção e estarmos correctos, enfim educar e tentar que vejam em nós o amigo insubstituível... Essa é a tarefa mais difícil, tê-los não custa o que custa é fazê-los crescer!
No entanto, não sei porquê dou comigo a pensar que agora é que eu tiraria maior gozo desse estado, que teria mais paciência para tudo, que ... e dou comigo a divagar...

4 comentários:

pensamentosametro disse...

Curioso, já pensei nisso tantas e tantas vezes.

O que me valeu foi o 1.75 m, então do 2º que nasceu só com 4380, parecia que ia tocar bombo na festa da Marmeleira, ahahaha.


Bjos


Tita

eva disse...

Deve ser pela experiência que agora já tens que tens mais a sensação que seria diferente e, talvez mais fácil! :)

gimbras.nofuturo.com disse...

Quando fores avó, revives tudo isso.
Mulheres grávidas não são assim tão bonitas. :D

antónio disse...

Resumindo.... filhos é para toda a vida!