domingo, 17 de maio de 2009

Nem o tempo vai ajudar

Há momentos que mesmo tendo sido fantásticos, fabulosos, tremendos... não os queremos recordar.
Pelo menos comigo é assim, gostava de ter uma borracha para os apagar.
A única razão para isso é porque sempre que me lembro, sempre que falo deles doiem, e não é por serem mais ou menos recentes, isso nada tem a ver, porque por mais tempo que passe vão sempre doer...

2 comentários:

Ela disse...

:)

gimbras.nofuturo.com disse...

Epá, não sou nada assim. Simplesmente me esqueço, mesmo que tenham sido bons, desses momentos se a pessoa em questão se tenha revelado, por fim, uma ***.