quinta-feira, 19 de março de 2009

Não quero/Quero

Não quero que me digam “és o máximo”, porque não sou, nem quero ser
Não quero que me façam as vontades, ok algumas pequeninas até podem…
Não quero que me criem hábitos, rotinas
Não quero que andem comigo ao colo, apesar de precisar
Quero que gostem de mim sem exigir nada
Quero que me ouçam
Quero que me dêem um ombro de vez em quando
Quero um abraço forte.

6 comentários:

Sadeek disse...

Mas porque raio não queres que andem contigo ao colo? ;)

BEIJOOOOOOOOOOOOOOO

mimanora disse...

Sadeek, pq isso me cria os tais hábitos que não quero ter;)

Um gajo qualquer... disse...

Querer ter até deves querer, acho é que depois não os queres perder...

:S

gimbras.nofuturo.com disse...

:)

JBrito disse...

Não há quereres aqui nesta vidinha.
Ou tens ou não tens!?
Aquele abraço então.

mimanora disse...

Gajo como me entendes, mas talvez acabe por não me fazer falta;)

JBrito, não quero pewnsar sequer que não há quereres. Há, nem que seja nas escolhas que fazemos!